terça-feira, agosto 11, 2009

Les Amoureux en Burkina Faso

People do cantinho mais bonito do mundo, a beira-mar plantado,

ca estamos, desta feita ja el terras burkinabes! Apos a estadia em Bla-ainda no Mali- avançamos para Koutiala, mais perto da fronteira. Ficamos alojados num motel/ hotel em q estava o ministro numa conferencia qq. Foi um dia sofrido em q os primeiros 40 kms começaram por volta das 7h30 da manha, ja com o petit-dejeuner no bucho, e seguimos viagem. A passagem por uma aldeia ausente na cartografia convencional fomos mandados parar numa operaçao policial e fomos obrigados a dirigir-nos a camara municipal para comprar uns vales para as bicicletas. 1000 CFAs cada, e o policia estava bebado q nem um peru!

O q nos valeu foi q esta paragem coincidiu com a chegada de uma tromba de agua q nos obrigou a alojar-nos na minuscula casa-quarto de umq simpatica familia q qd viu q iamos em direcçqo a tempestade; acenou e nos abrigou. Isto sem eles falarem uma palavra de frances ou nos de bambarra! A hospitalidade africana no seu melhor!

Esperamos algum tempo e fizemo-nos a estrada porque q chuva nao ia parar... e nao parou nos 45 kms seguintes ate a chegada a Koutiala!

No dia seguinte, ontem, optamos por entrar num autocarro e ver as nossas burras e BOBs (q sao um verdadeiro exito junto deste pessoal q acha o conceito espctacular) no cimo de um autocarro com direcçao a Kouri, a ultima cidade-fronteira do Mali.

A viagem tem de ficar para uma proxima, mas posso adiantar-vos q na minha primeira viagem de bus em Africa ia ficando noivo de uma pequena de 8 anos q me explicou q eu era um homem com muita sorte porque tenho muitos pelos nos braços e nas pernas, e ter pelos em Africa e sinal de muita sorte. Fica a dica para o Tony Ramos!

A chegada a Bobo-Dioulasso, ja no Burkina Faso foi debaixo de chuva, ao final da tarde. Dirigimo-nos ao nosso alojamento e jantamos bem cedo, para ver se descansavamos os ossos da viagem. Hoje tiramos o dia para dar uma voltareta pela 2a maior cidade do Burkina e ver como param as modas da metereologia. Ontem percebemos qd atravessamos a fronteira q o Burkina esta um bocado mais alagado do q tinhamos previsto e nao sabemos qual a influencia q isso vai ter nos nossos planos de viagem.

A ideia e partir daqui em direcçao a sudoeste, na provincia de Senoufu, para Banfora onde, segundo pudemos ler nas nossas preparaçoes de viagem, se encontra o maior repositorio de beleza natural de todo o Burkina, a Falaise de Banfora, as Chutes de Tienguela, as Domes e tudo e tudo.

Vao ser mais uns 85 kms a separar Bobo de Banfora, onde esperamos fixar arraiais durante uns dias, para poder partir a descoberta da parte oriental do pais, numa extensao de 200 e poucos quilometros,

A aventura africana continua por aqui!

Um forte abraço a todos destes Babous (= pele branca) em Bobo, Burkina.

Hugo, Terese (mossou babou) e Bobs: Marley e Dylan

2 Comments:

At 16:18, Blogger gemini_p said...

Fantastico. Estou mesmo a gostar do passeio. E fotos? E fotos? E fotos???

Beijos e boa sorte (para a Teresa... tu obviamente nao precisas Vuck!)

 
At 20:21, Blogger Vuck Roger said...

Querida amiga, se e quando conheceres a minha Terese-Mossou-Babou, vais perceber q quem precisa de toda a sorte do mundo para a acompanhar, sou euzinho mesmo!

 

Enviar um comentário

<< Home

Frankie Goes to Hollywood - Welcome To The Pleasure Dome

É Sempre a curtir...